Órgão de direitos humanos da ONU acusa Estado de Israel por “crime de apartheid”

Se á pelo menos dois lados para cada história, então, onde estão as vozes palestinas na grande mídia? O órgão de direitos humanos da ONU acusou Israel do “crime de apartheid”, dizendo que estabeleceu um “regime de opressão e discriminação racial sistemática” contra os palestinos. A conclusão segue uma longa linha de descobertas semelhantes de organizações israelenses, palestinas e internacionais.  Continuar lendo Órgão de direitos humanos da ONU acusa Estado de Israel por “crime de apartheid”

Racismo Sionista: Segundo Netanyahu, Israel não é de todos os seus cidadãos

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, disse no domingo que Israel “não era um estado de todos os seus cidadãos” em uma referência à população árabe do país. O primeiro-ministro, em comentários no Instagram, passou a dizer que todos os cidadãos, incluindo os árabes, tinham direitos iguais, mas se referiu a uma lei profundamente controversa aprovada no ano passado declarando Israel o estado-nação do povo judeu. … Continuar lendo Racismo Sionista: Segundo Netanyahu, Israel não é de todos os seus cidadãos

Israel: 217 palestinos mortos e 23 mil feridos pelo exército sionista desde março de 2017

Atiradores israelenses (à direita) abrem fogo contra palestinos que protestam contra o 11º ano do bloqueio contra a Faixa de Gaza. Pelo menos 217 palestinos foram baleados e mortos por judeus em Israel desde março de 2017, e feriram outros 22.897 com arma de fogo, anunciou o Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários – números impressionantes que foram completamente suprimidos pela … Continuar lendo Israel: 217 palestinos mortos e 23 mil feridos pelo exército sionista desde março de 2017

Sionismo: Movimento para aprovar projeto de “Estado-Nação” israelense legaliza segregação e justifica expropriações

O governo israelense deve apresentar o tão aguardado projeto de “Estado-nação”, que legaliza a segregação racial entre judeus e não judeus, e que promove “assentamento judaico” [em territórios palestinos] como um “valor nacional”. Segundo relatos na mídia israelense, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, atualmente investigado junto com a esposa por esquemas de corrupção e uso indevido de recursos públicos, defendeu o projeto de lei do Estado … Continuar lendo Sionismo: Movimento para aprovar projeto de “Estado-Nação” israelense legaliza segregação e justifica expropriações