Europa subestima ataques à judeus feitos por muçulmanos culpabilizando uma “extrema-direita”

O governo alemão está deliberadamente classificando erroneamente os incidentes anti-israelenses e anti-judaicos como sendo de origem “de extrema-direita” quando, de fato, eles estão sendo cometidos por “imigrantes” muçulmanos recentes, descobriu um novo relatório da Jewish Telegraphic Agency (JTA). Citando Daniel…