O celebrado judeu Raul Hilberg (1926-2007), contraria o símbolo do número 6 milhões referente ao alegado holocausto. Foto: Tablet

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Quer receber nossas notificações?    SIM! Não, obrigado (a)