Manoel Vargas: Getúlio e a identidade nacional

Nos ajude a espalhar a palavra:

O Brasil não tinha uma identidade nacional, Getúlio Vargas sempre deu importância às três raças que formaram essa nação os índios, brancos e negros.

Na música junto com o compositor Ary Barroso fizeram do samba o ritmo do Brasil é deram voz às músicas da periferia. Sem poder esquecer da música Aquarela do Brasil que fala das riquezas desse país.

Getúlio sempre ia a sua fazenda em São Borja para tomar um bom chimarrão, comer um churrasco, galopar pelos pampas e por a sua pilcha essa era umas de suas rotinas preferidas.

Quando viajava para outros estados adorava experimentar a culinária local e conhecer um pouco mais das regiões desse imenso Brasil.

A padroeira do Brasil Nossa senhora aparecida foi proclamada por Getúlio Vargas demonstrando uma santa negra como o rosto do país.

Nosso país é etnicamente diverso e isso faz parte de nós. Preserve sua cultura, preserve a si mesmo. Descendemos dos grandes navegadores portugueses, do bravo povo indígena e do forte povo negro. Valorize a sua cultura e valorize a si mesmo, não fique copiando modismos de outros países que a globalização lhe impõe.

Manoel Vargas
Nos ajude a espalhar a palavra:
Gostou do artigo? Você pode contribuir para o site com uma doação:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.