Cuties ganhou o prêmio no Sundance em 2019, mas o co-fundador do prêmio no mesmo ano foi condenado por abuso sexual de menina de 7 anos

Nos ajude a espalhar a palavra:

A grande mídia está tentando desesperadamente convencer o público de que Cuties é na verdade uma grande obra de arte e que qualquer pessoa que se oponha a ela é apenas um extremista de direita. Uma das maneiras que a mídia sionista tenta argumentar os méritos artísticos de Cuties é mencionando que o filme sujo foi exibido no Sundance em 2019 e ganhou um prêmio.

Do New York Times:

“O filme, que foi lançado como ‘Mignonnes’ na França e ganhou o prêmio de direção do Sundance Institute em fevereiro, com a história de uma menina de 11 anos chamada Amy (Fathia Youssouf) enquanto ela tenta encontrar seu lugar crescendo em uma comunidade pobre subúrbio de Paris”

O que eles não mencionam é que o cofundador do Sundance foi condenado por abuso sexual infantil em 2019.

Do Insider:

“Um cineasta que co-fundou o Festival de Cinema de Sundance que produziu um filme cuja atriz principal ganhou um Oscar em meados da década de 1980 foi condenado a pelo menos seis anos de prisão após se declarar culpado de abuso sexual de uma criança. O juiz Roger Griffin recomendou que o conselho de liberdade condicional mantenha Sterling Van Wagenen na prisão por mais do que o mínimo de seis anos. Sua sentença é de seis anos de prisão. Van Wagenen não se desculpou porque disse que seria ‘sem sentido’, mas disse que sente profundamente as consequências de suas ações. Os promotores dizem que Van Wagenen, de 72 anos, tocou uma jovem em duas ocasiões entre 2013 e 2015.”

Sterling Van Wagenen, 71, está ao lado de seu advogado de defesa Steven Shapiro durante sua sentença em 2 de julho de 2019. Ban Wagenen foi condenado a seis anos de prisão por abusar sexualmente de uma jovem pelo juiz Roger W Griffin no Quarto Tribunal Distrital de American Fork. Foto: Leah Hogsten | The Salt Lake Tribune

O artigo não menciona que a “jovem” que ele “tocou” tinha na verdade 7 e 9 anos nas duas ocasiões de abuso.

Não importa o quanto a indústria do cinema e a mídia sionista tentem tornar Cuties aceitável, a grande maioria do público não está acreditando nisso.

LEIA MAIS

Confira a diferença de opinião entre os profissionais e o público no Rotten Tomatoes.

Clique na imagem e confira atualizado

No IMDb, esta é a crítica do usuário com melhor classificação:

No comentário, o usuário diz:
“A exploração de crianças é errada”
“Esta é a quarta vez que meu comentário é excluído pela IMDb depois de ter obtido mais de 200 votos positivos.
É triste que qualquer voz contra a exploração de crianças seja censurada e que uma crítica negativa sobre Cuties tenha sido excluída. Acho que eles querem ter certeza de que podem ganhar dinheiro na Netflix, então estão sinalizando as avaliações negativas. Até mesmo a pontuação de avaliação do filme subiu, de 1,2 alguns dias atrás.
O resultado final é que este filme é perverso. Ele explora meninas de onze anos como objetos sexuais engajados em twerk, usando roupas mínimas. As poses provocativas e a dança não são necessárias para que este filme tenha sido sobre garotinhas fofas. Annie é sobre uma linda garota com dança, música e canto, mas todas as crianças estão completamente vestidas.
A comparação mais próxima com Cuties seria Brooke Shields em Pretty Baby (1978) e Jodie Foster em Taxi Driver (1976). Eles interpretaram prostitutas de 12 anos em ambos os filmes. A questão deveria ser se esses tipos de filmes promovem ou não o tráfico de crianças?”

Parece que apenas judeus, pedófilos e pedófilos judeus acham que essa promoção de pedofilia está bem.

Os judeus sionistas que defendem Cuties dizem: “Não é ruim fazer com que o espectador seja sexualmente excitado por crianças ‘gostosas’ de 11 anos”

Este homem declaradamente judeu sionista, que se apresenta num canal do youtube chamado “Mrgirl” (Mister Girl ou ‘Senhor Garota’, claramente um pedófilo) é realmente honesto sobre o que sente sobre o filme e suas próprias pedo… “preferências”. Ele diz que provavelmente milhares de pessoas estão se masturbando com o filme, o que ele realmente gosta, já que apresenta garotas “gostosas” de 11 anos, e ele gosta principalmente da loira.


Fontes

HUNT, Kyle. Cuties Won Award at Sundance in 2019, Same Year Sundance’s Co-Founder Was Convicted of Sex Abuse of 7 Year Old Girl. Renegade Tribune, 15 set. 2020. Disponível em http://www.renegadetribune.com/cuties-won-award-at-sundance-in-2019-same-year-sundances-co-founder-was-convicted-of-sex-abuse-of-7-year-old-girl/

Renegade Tribune. Jew Defends Cuties: It’s “Not Bad” at Getting Him Sexually Aroused by “Hot” 11 Year Olds. 13 set. 2020. Disponível em http://www.renegadetribune.com/jew-defends-cuties-its-not-bad-at-getting-him-sexually-aroused-by-hot-11-year-olds/


CONFIRA NA LIVRARIA SENTINELA

Kyle Hunt
Nos ajude a espalhar a palavra:
Gostou do artigo? Você pode contribuir para o site com uma doação:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.