fbpx
Nos ajude a espalhar a palavra:

Friedrich Karl Berger é um senhor de origem alemã com 94 anos de idade residente no leste do Tennessee, e está um passo mais perto da deportação dos Estados Unidos da América por ser um ex-soldado da SS na Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial.

No mês passado, o Conselho de Recursos de Imigração rejeitou o recurso de Friedrich Karl Berger, na véspera do 75º aniversário do início dos julgamentos de Nuremberg de soldados e oficiais nacional-socialistas.

O conselho manteve a decisão de fevereiro feita pela juíza do Tribunal de Imigração dos Estados Unidos, Rebecca Holt, em Memphis. Holt baseou sua decisão na Emenda Holtzman de 1978 à Lei de Imigração e Nacionalidade.

VISITE NOSSA LIVRARIA

 

Berger, que falou ao The Washington Post em março deste ano, expressou descrença com a possibilidade de deportação, dizendo que tinha apenas 19 anos na época, e foi obrigado a guardar o campo de concentração perto de Meppen, Alemanha.

Seu tempo em Neuengamme foi curto, disse Berger, e ele não carregava arma.

Friedrich Karl Berger, 94, à esquerda em 2012, foi removido dos Estados Unidos no início deste ano por ter trabalhado em um campo de concentração alemão. Crédito: Farragut Shopper-News/Theresa Edwards

“Depois de 75 anos, isso é ridículo. Não posso acreditar”, disse ele. “Não consigo entender como isso pode acontecer em um país como este. Você está me forçando a sair do meu lar”, disse ao Post. Sua última residência conhecida está localizada em Oak Ridge, Tennessee.

De acordo com uma nota do Departamento de Justiça do USD, Berger admitiu que não solicitou a transferência do sistema Neuengamme. Ele continua a receber uma pensão da Alemanha, por mão de obra que inclui serviços durante a guerra.

A rejeição do recurso de Berger não necessariamente encerra a oferta de Berger de permanecer nos Estados Unidos. Ele ainda poderia apelar da decisão do conselho em um tribunal federal.


VISITE NOSSA LIVRARIA

Redação
siga em
Nos ajude a espalhar a palavra:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Ativar Notificações    OK No thanks