fbpx

Autor: David Lane

Escritor e líder nacionalista racialista estadunidense, foi um dos fundadores da "The Order". Lane foi e é uma figura conhecida por qualquer nacionalista racialista e era visto por muitos como um prisioneiro político e um prisioneiro de guerra. Foi ele o inventor das 14 palavras, um credo nacionalista racialista: “Devemos assegurar a existência do nosso povo e um futuro para as crianças brancas!”. Natural de Woden, Iowa (EUA), mas se erradicou em em Aurora, Colorado. Formou-se na Escola Secundária de Hinckley e trabalhou como agente imobiliário. Conheceu Robert Jay Mathews em Julho de 1983, no Congresso Mundial da Organização Aryan Nations e fundou a die Bruder Schweigen ou The Order, entidade acusada de ter roubado mais de 4,1 milhões de dólares em assaltos a carros de transporte de valores, assassinado duas pessoas, utilizado explosivos, falsificado dinheiro, organizado campos de treino militarizados entre outros crimes cujo propósito seria o de derrubar o governo dos Estados Unidos da América, ao qual a The Order declarou formalmente guerra. Lane era defensor do odinismo inspirado por Jung, cuja obra datada de 1936 intitulado “Wotan”, o fez criar uma vertente odinista à qual chamou "wotanismo", uma vez que os aderentes tradicionais do odinismo rejeitaram aquilo que julgaram ser uma tentativa, por parte de Lane, de se tentar apropriar da dua religião para fins políticos e racialistas. David Lane foi casado com Katja Maddox de 1994 até sua morte, em 2007. Ele faleceu enquanto cumpria uma pena de 190 anos na prisão federal de Terre Haute, no Estado estadunidense do Indiana.
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Ativar Notificações    OK No thanks