Bernhard Schaub (1954) é um editor, escritor e ativista político suíço-alemão. Ele defende os interesses do grupo dos povos europeus e a preservação da cultura europeia. Para o efeito, fundou o movimento European Action, que existiu até junho de 2017. Como revisionista, professor de língua alemã e história em escolas particulares na Suíça antes de ser demitido em 1993 pela publicação de um livro no qual ele clamava por pesquisas neutras sobre a história do holocasuto no Terceiro Reich. Ele também criou a editora Ghibellinum , na qual a mídia apareceu sobre o tema da cultura europeia. Schaub participou em Teerã como palestrante em uma conferência convocada pelo então presidente iraniano Ahmadinejad sobre a história da Segunda Guerra Mundial. Junto com Ursula Haverbeck, ele liderou o Collegium Humanum, que foi banido pela administração alemã por conta do revisionismo histórico.

Quer receber nossas notificações?    SIM! Não, obrigado (a)