SDS de Janez Janša Vence Eleições Eslovenas com Proposta Anti-Imigração: Parlamento Prepara Reação

Nos ajude a espalhar a palavra:
O Partido Democrata Esloveno (SDS), do ex-primeiro-ministro Janez Jansa, venceu as eleições legislativas realizadas neste domingo (3) na Eslovênia. Sua vitória, na verdade, já era anunciada matematicamente antes do fechamento da contagem dos colegiados.
O SDS, que centrou sua campanha na rejeição à imigração em massa e os planos da ONU e UE para esses fins, obteve o apoio de 24,4% dos eleitores eslovenos. Número registrado pela emissora pública eslovena TvSlo.
A recém criada Lista de Marjan Sarec (LMS), liderada por um antigo humorista de 40 anos que se tornou um político liberal, aparece como segundo partido mais votado na Eslovênia, com 12,6%. O partido Esquerdo conseguiu 9,5% dos sufrágios; os Social-Democratas, 9,3%; a conservadora Nova Eslovênia (NSi), 6,6%; e o Partido dos Aposentados (DeSUS), 5%
Reação do parlamento
Sarec, em uma primeira reação, reconheceu a vitória de Jansa e lhe desejou sorte, mas ressaltou que não negociará nenhuma coalizão com o líder conservador, segundo a agência de notícias STA.
Os analistas previram que Jansa, de 59 anos, terá dificuldades para formar o governo, já que não terá uma maioria parlamentar para dirigir o país sozinho. Quase todas os partidos rejeitam uma aliança com um “populista de direita”.
O terceiro lugar é ocupado pelo Partido do Centro Moderno (SMC), do até agora primeiro-ministro Miro Cerar, com 9,8% dos votos. Em 2014, ele obteve quase 35% dos votos.
Só a NSi se mostrou aberta a entrar em coalizão com o SDS, mas seu apoio não seria suficiente para conseguir uma maioria parlamentar.
Jansa afirmou hoje ao votar que cooperará com “todos os que estão dispostos a trabalhar pelo bem da Eslovênia” e se mostrou confiante em conseguir uma maioria.
O líder do SDS já foi primeiro-ministro em duas ocasiões, entre 2004 e 2008 e entre 2012 e 2013, ano no qual foi condenado a dois anos de prisão por corrupção, dos quais só cumpriu seis meses.
O presidente esloveno, Borut Pahor, irá se reunir ainda nesta semana com o líder do SDS, Janez Jansa, que recebeu o maior número de votos na eleição de domingo (4), Pahor havia dito anteriormente que iria nomear o líder do maior partido no Parlamento como primeiro-ministro nas próximas semanas.
Nesta segunda-feira, o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, afirmou ter confiança no papel construtivo que um futuro governo da Eslovênia irá desempenhar na construção de uma União Europeia mais forte, segundo porta-voz.
“O presidente está confiante de que o futuro governo fará uma contribuição válida ou se unirá aos esforços para construir uma União Europeia democrática, bem-sucedida e mais forte”, disse o porta-voz, de acordo com a Reuters.
Fonte: G1G1

 

O www.osentinela.org é um projeto de mídia informativa de viés nacionalista e tradicionalista brasileiro mantido pela própria equipe, escrevendo, editando e atualizando de forma pontual, além dos nossos leitores e seguidores de nossas mídias sociais.O conteúdo sempre será livre e de forma gratuita, mas se você quiser incentivar esse projeto, poderá fazer com qualquer valor. Assim, estará sendo VOCÊ o financiador daqueles que acreditam na causa nacional.Outras formas de doação através do contato [email protected]

Siga em:
Nos ajude a espalhar a palavra:
Gostou do artigo? Você pode contribuir para o site com uma doação:

2 thoughts on “SDS de Janez Janša Vence Eleições Eslovenas com Proposta Anti-Imigração: Parlamento Prepara Reação”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.