M5E e LEGA Vencem Negociação e Formam Governo Italiano Sem Novas Eleições

Nos ajude a espalhar a palavra:

Os líderes do Movimento 5 Estrelas,  Luigi di Maio, e da Liga, Matteo Salvini, anunciaram ontem (31/5) que concluíram uma nova tentativa de acordo para a formação de um governo de união na Itália que evitaria uma convocação de eleições na Itália.

“Todas as condições estão reunidas para um governo político M5E/Liga”, anunciaram Di Maio e Salvini em um comunicado após longas negociações.

“Compromisso, coerência, escuta, trabalho, paciência, bom senso, cabeça e coração para o bem dos italianos. Talvez finalmente chegamos lá, depois de tantos obstáculos, ataques, ameaças e mentiras”, acrescentou Salvini no Facebook.

Os partidos, no entanto, mantiveram a indicação de Giuseppe Conte para o cargo de premiê.
Após o anúncio, o presidente Sergio Mattarella convocou Carlo Cottarelli, a quem ele havia instruído na segunda-feira (28) de formar um governo de especialistas para conduzir os assuntos correntes do país até novas eleições.
Com toda a probabilidade, Cottarelli deve entregar seu cargo ao presidente, que deverá entregá-lo a Conte, um jurista iniciante na política.
Este último havia desistido no domingo (27) após o veto do presidente à nomeação de Paolo Savona, economista antieuro, ao Ministério das Finanças.
Segundo a imprensa italiana, Di Maio e Salvini concordaram com outro ministro das Finanças, mas deixariam Savona a cargo das Relações Europeias.
Já a pasta das Finanças deve ir para o professor de economia Giovanni Tria, segundo fontes do partido.
Professor da Universidade Tor Vergata, de Roma, Tria é crítico da União Europeia, mas, ao contrário de Savona, não prega a adoção de um “plano B” para preparar uma eventual saída do país do bloco.Itália venceu as ameaças da UE

Marine Le Pen, líder do francês Frente Nacional felicitou hoje a Liga de Matteo Salvini pela coligação de governo em Itália com o Movimento 5 Estrelas sublinhando que se trata de uma vitória contra as ameaças da União Europeia.

Através de uma mensagem divulgada pela rede social Twitter, Le Pen disse que a coligação “é uma vitória da democracia contra as intimidações e as ameaças da União Europeia“.

 

‘Bravo’ pela coligação de Matteo Salvini e da Liga que formam finalmente o novo governo italiano, acrescenta a mensagem de felicitação da líder da Frente Nacional.

Salvini, que no novo Executivo dirigido por Giuseppe Conte vai ocupar o cargo de ministro do Interior, disse na quinta-feira que tem “como prioridade mandar para casa” a imigração ilegal que assola o país e assim minar os interesses políticos dessas decisões.

Veja Também:
 

 

Siga em:
Nos ajude a espalhar a palavra:
Gostou do artigo? Você pode contribuir para o site com uma doação:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.