Ann Coulter: Judeus Estão na Base “Democrata” do Ódio ao Homem Branco

Nos ajude a espalhar a palavra:

A advogada, jornalista e periodista estadunidense Ann Hart Coulter, afirmou que os judeus, como parte fundamental de uma coalizão liberal, está manipulando a ideologia de ódio aos “homens brancos” que segue na base do Partido Democrata.

A escritora paleo-conservadora postulou que os judeus e outros blocos de votos democratas como os da bancada LGBT e das “Mulheres Negras” realmente desprezam uns aos outros – mas se unem em torno de um ódio implícito compartilhado por “homens brancos”.

“Quero dizer, você tem os muçulmanos e os judeus e os vários grupos sexuais exóticos e as senhoras negras da igreja e o ‘veados’ da faculdade. A única coisa que mantém a base democrata unida é que eles fiquem concentrados em; ‘Não, os homens brancos são os que estão te mantendo abaixo. Você deve odiar os homens brancos […] É a única coisa que eles têm em comum”. Disse ela no programa de Laura Ingraham.

Ela foi à Fox News terça-feira à noite para discutir a controvérsia dentro da Marcha das Mulheres, na qual vários dos líderes são acusados ​​de anti-semitismo. A própria Coulter denuncia com frequência o judaísmo internacional e sua ação na política estadunidense e mantém visões nacionalistas-brancas.
Nascida em Nova Iorque, 8 de dezembro de 1961, Coulter  é abertamente republicana e conservadora, Coulter é colunista de diversos periódicos estadunidenses de direita e escritora de sucesso, com vários livros na lista de best-sellers do The New York Times. Ann Coulter é solteira e sem filhos
Frequentemente aparece na televisão, rádio e discursa em eventos públicos e privados. É conhecida por causar controvérsias com seus artigos conservadores, defendendo o Presidente George W. Bush, o ex-senador Joseph McCarthy.
Ann já lançou vários livros, entre eles “How to talk to a liberal (if you must): the world according to Ann Coulter” (“Como falar com um liberal [se for necessário]: o mundo segundo Ann Coulter”), “Slander: liberal lies about the American right” (“mentiras liberais sobre o direito americano”), “Treason: liberal treachery from the cold war to the war on terrorism” (“Traição: besteiras liberais da Guerra Fria à Guerra Contra o Terrorismo”), “Godless – The Church of Liberalism” (“Sem Deus – A Igreja do liberalismo”) e “The Case against Bill Clinton” (“O tribunal versus Bill Clinton”), entre outros.
Fonte: Forward

 

VEJA TAMBÉM
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Outras formas de doação? Entre em contato: osentinelabrasil@gmail.com

Nos ajude a espalhar a palavra:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.