Igreja Universal e o tráfico de crianças

Nos ajude a espalhar a palavra:

Em dezembro de 2017, uma série de reportagens da emissora portuguesa TVI revelaram investigações que ligavam a Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), multinacional chefiada pelo “bispo” Edir Macedo, a uma rede internacional de tráfico de crianças.

A reportagem, chamada de “O segredo dos Deuses”, embasava que esse tráfico internacional se baseava em adoções ilegais de crianças portuguesas à famílias de bispos brasileiros. Os chamados “netos” de Edir Macedo seriam crianças roubadas e levadas a um orfanato ilegal mantido pela Universal.

A igreja mantinha um lar de adoção ilegal na década de 1990, no qual famílias pobres deixavam as crianças, sem conhecimento da Justiça. As crianças, então, eram retiradas do país e registradas como filhos biológicos de bispos e pastores da igreja.

Apesar de a Igreja Universal responder à imprensa que “toda a matéria da TIV fosse baseada em relato de um homem chamado Alfredo Paulo Filho, que deixou a instituição em 2013 por ‘condutas impróprias’, e que as adoções aconteceram em Portugal e foram decretadas pelo Tribunal de Família e Menores de Lisboa” (Juizados de Menores) e ainda mais, que “todos os ditos ‘netos’ foram adotados pelo sistema legal português”, não é aquilo que diz o Conselho Superior de Magistratura e o Ministério Público de Portugal.

Pelo menos até janeiro de 2018, o MP de Portugal iniciou uma auditoria na sua própria atuação nos casos citados, os quais teriam ocorrido na década de 1990, ordenando o recolhimento de elementos e provas para avaliar os procedimentos que levaram às autorizações para essas adoções.

Imagem de “O Segredo dos Deuses”, TVI24. Foto: Rui Galdencio

Os 10 (dez) capítulos reveladores da série O segredo dos Deuses mostram, dentre outras coisas que esse abrigo da Universal em Portugal retirar filhos de mães em situação de vulnerabilidade e assim, permitir a adoção. Existem indícios de que o próprio bispo Edir Macedo tenha participado do suposto esquema ao se envolver no processo de adoção de duas crianças para a sua filha. E ainda que essas adoções estejam fundamentadas em decisões judiciais, houve erro na fundamentação que permitiu o desligamento da família biológica.

O MP de Portugal salientou que “os tribunais não podem alhear-se de todo o percurso procedimental que – noutras instituições – antecede as decisões judiciais”. Mas o caso é difícil pois, além de fiscalizar as condutas dos tribunais e varas legais que realizaram esses processos, ainda terá, como dito, que auditar a conduta de processos executados por próprios funcionários do MP que tornaram isso possível.

Desde essa época, pouco ou quase nada mais foi evidenciado sobre o assunto.

Macedo e sua Multinacional

Edir Macedo em pregação no Templo de Salomão em São Paulo. Foto: Reprodução.

Em 2015, a Revista Forbes citou Edir Macêdo como o mais rico líder religioso no Brasil num ranking específico para a categoria, com uma fortuna avaliada em 2 bilhões de reais! Muito atrás dele, em segundo, estavam o “apóstolo” Valdemiro Santiago, proprietário da Igreja Mundial do Poder de Deus (Igreja Mundial), com 400 milhões, Silas Malafia, da Assembléia de Deus, com 300 milhões e os outros forma R.R. Soares (R$250 milhões) e Estevan Hernandes Filho e “bispa” Sônia (R$120 milhões juntos).

De onde vem tanto dinheiro? Macedo é um verdadeiro empreendedor. A sua “igreja” não é simplesmente uma Igreja. Tudo que ela possui daria uma ficha longa e extensa, um verdeiro inventário de páginas e mais páginas de investimentos e propriedades milionárias. Seus números impressionam.

A sede mundial da IURD fica no “Templo de Salomão”, no bairro do Braz, cidade de São Paulo, Brasil.

Ela foi fundada em 9 de julho de 1977, no Rio de Janeiro, capital, por Edir Macedo e Romildo Ribeiro Soares, dois dos atuais líderes religiosos mais ricos e poderosos politicamente do país, com clara dianteira de Macedo.

Dados de 2019 apontam que a multinacional atua em cerca de 127 países ao redor do mundo, contando com cerca de 7.157 igrejas no Brasil e um número indeterminado (ou não divulgado?) no resto do mundo pelo menos até 2017.

Carregando a Arca da Aliança. Ritual ensaiado por auto-intitulados “levitas” da Igreja Universal Foto: Por universal.org.ec

Segundo o IBGE, a IURD tem mais de doze mil pastores e um milhão e oitocentos mil fiéis ao redor do país. Sendo mais popular em nações de língua portuguesa, a estimativa é de oito milhões de seguidores e e quinze mil pastores espalhados pelo mundo, a 29ª maior igreja em números de seguidores do mundo.

Em 2015, uma pesquisa do Datafolha mostrou que a Universal é a quinta instituição de maior prestígio no Brasil, a frente do Poder Judiciário e da Presidência da República.

É detentora da “Rede Aleluia”, que possui mais de 76 (setenta e seis) emissoras de rádio, cobrindo mais de 75% do território nacional, e mais de 20 (vinte) retransmissoras da TV Universal. Na mídia impressa é dona da Folha Universal e as revistas Plenitude, Obreiro de Fé e Mão Amiga. Na indústria fonográfica, possui a gravadora Line Records, especializada no gênero gospel. A Unipro é responsável pelas publicações dos livros da Universal, cujos principais autores são Edir Macedo e os bispos da própria Igreja Universal, com dezenas de títulos publicados. A Record TV não pertence diretamente à IURD mas sim ao próprio Edir Macedo, contando com o Grupo Record e as emissoras de rádio e televisão da IURD, tornando-a a maior controladora de concessões de televisão do Brasil, ultrapassando o Grupo Globo em número de emissoras próprias.

O Templo de Salomão é uma réplica do Templo de Salomão, citado no Antigo Testamento da Bíblia e na Torá judaica. Trata-se de um dos mais visitados pontos turísticos do Brasil, ultrapassando o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro, chegando a receber cerca de 400 mil fiéis por mês.

Foto do templo da Igreja Universal do Reino de Deus – movimento fundado pelo líder e empresário religioso brasileiro Edir Macedo em 1977, tirado durante sua inauguração em São Paulo, Brasil, em 31 de julho de 2014. O edifício, construído como uma reconstrução do templo de Salomão (o Terceiro Templo) com pedras importadas de Hebron levou quatro anos para ser construída a um custo de cerca de 267 milhões de dólares e pode hospedar 10.000 pessoas por vez. Foto: AFP / Miguel Schincariol

Custando cerca de 680 milhões de reais, a ideia da construção foi a de reconstruir com caraterísticas originais um Terceiro Templo, baseado no Segundo Templo de Jerusalém, Israel, destruído por Nabucodonosor II da Babilônia em 586 a.C. E não estamos falando de uma réplica aqui. Estamos falando da reconstrução em si, uma vez que o tamanho é o mesmo (70 mil m² com capacidade de 10 mil pessoas) e até as pedras das colunas e das paredes são as mesmas das pedreiras israelenses, colhidas lá especificamente. Na verdade, o material de sua construção foi o bastante para construir duas vezes o Palácio do Planalto, sede do Poder. Não é segredo que as medidas e arquitetura do templo são com base nas “orientações bíblicas”.

A cerimônia de inauguração do templo, em 31 de julho de 2014, contou com a presença da então presidente Dilma Rousseff (PT) e seu vice Michel Temer (MDB), o então governador do estado de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) e o então prefeito da capital paulista Fernando Haddad (PT), e muitas outras autoridades.

Influente poder político na gestão Bolsonaro

No Brasil, os evangélicos são a principal base eleitoral do presidente Jair Bolsonaro. E desses, Edir Macedo é o mais forte. Além do mais, existem os pontos em comum entre o lobby neopentecostal e os neoliberais do atual governo. A coesão ideológica desses lobistas na defesa da agenda sionista, na isenção governamental de suas redes de influência, empresas e demais instituições e seu alinhamento ideológico-financeiro com o sistema financeiro internacional tornam isso possível, destruindo qualquer base de nacionalismo ou de herança cultural, sendo substituído por práticas de fora e desprezo e ignorância pelo que é nosso.

Referências bibliográficas

LUSA E PUBLICO (Portugal). MP investiga rede de adopção ilegal de crianças: Reportagem da TVI revela que Edir Macedo, líder máximo da IURD, estará envolvido numa rede internacional de adopção ilegal de crianças. Instituição nega acusações e garante que vai avançar com processos judiciais.. Publico, 11 dez. 2017. Sociedade. Disponível em: https://www.publico.pt/2017/12/11/sociedade/noticia/mp-esta-a-investigar-alegada-rede-de-adopcoes-ilegais-de-criancas-ligadas-a-iurd-1795610?page=/&pos=1&b=stories_cover__important_a. Acesso em: 11 out. 2020.

O SEGREDO dos Deuses ep. 1 (e os demais). Direção: Alexandra Borges, Judite França. Produção: TVI. Gravação de Ricardo Ferreira, Nuno Acensão, Romeu Carvalho, João Pedro Matoso, Alexandre Vieira. Portugal: TVI24, 2017. Disponível em: https://youtu.be/yczNvJt9hYE. Acesso em: 11 jan. 2020.

CALEGARI, Luiza. Universal é investigada após denúncia de tráfico de crianças: Reportagem de uma emissora portuguesa ligou a Igreja Universal e o bispo Edir Macedo a rede de tráfico de crianças. Exame, 11 dez. 2017. Brasil. Disponível em: https://exame.abril.com.br/brasil/universal-e-investigada-apos-denuncia-de-trafico-de-criancas/?fbclid=IwAR14pivn1ogXpjlzll_OABYXtX-GqF-Cuo1Ucv1SAhbIXEAQ9X56WoM4rGM. Acesso em: 12 jan. 2020.

CARVALHO, Marco Antônio via Estadão Conteúdo. Portugal Reforça Investigação sobre tráfico de crianças pela Igreja Universal. Bol Notícias, 09 jan. 2018. Disponível em: https://www.bol.uol.com.br/noticias/2018/01/09/portugal-reforca-investigacao-sobre-trafico-de-criancas-pela-igreja-universal.htm. Acesso em: 12 jan. 2020.

FORBES. #1638 Edir Macedo & family. FORBES, 2015 BILLIONAIRES NET WORTH, 03 fev. 2015. Disponível em: https://www.forbes.com/profile/edir-macedo/#382d3ae32fcf. Acesso em: 12 jan. 2020.

JORNAL DA RECORD. Sonho de Edir Macedo, construção do Templo de Salomão está em Nada a Perder 2. Direção de Antonio Guerreiro. Record TV, 2019. Disponível em: https://youtu.be/K0QADwBKnXw. Acesso em: 12 jan. 2020.

WIKIPEDIA. Igreja Universal do Reino de Deus. Wikipedia, Cristianismo, Religião. Disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Igreja_Universal_do_Reino_de_Deus. Acesso em: 12 jan. 2020.

WIKIPEDIA. Templo de Salomão (IURD).  São Paulo, Cidade de São Paulo. Disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Templo_de_Salom%C3%A3o_(IURD)#Constru%C3%A7%C3%A3o. Acesso em: 12 jan. 2020.

Andre Marques
Siga em:
Nos ajude a espalhar a palavra:

One thought on “Igreja Universal e o tráfico de crianças”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.