Eritreu empurra mãe e filho de 8 anos contra trem: Criança morreu

Nos ajude a espalhar a palavra:

Um homem da Eritreia empurrou mãe e filho contra um trem ICE que chegava na estação de Frankfurt. A mãe conseguiu se salvar, mas seu filho de 8 anos não teve a mesma sorte e morreu no local.

Enriquecimento multicultural em Frankfurt

Na estação de trem de Frankfurt (Frankfurt Hauptbahnhof), um cidadão de 40 anos da Eritreia empurrou uma mãe juntamente com seu filho de oito anos contra um trem ICE que se aproximava da estação. A criança não sobreviveu. Sua mãe pode se salvar dos trilhos no último instante. O estrangeiro não tinha aparentemente qualquer relação com as vítimas. Portanto, teria procurado a esmo a vítima para seu covarde ataque.

O homem que segundo testemunhas vestia uma calça preta e camiseta verde-oliva, foi capturado pouco depois de ter fugido do local. Segundo fontes ainda não confirmadas, ele teria tentado empurrar uma terceira vítima. A polícia informou que segundo testemunhas, ela teria conseguido evitar o empurrão. Muitas crianças e outros passageiros presenciaram este repugnante crime e foram assistidos clinicamente.

Se os esquerdistas progressistas ou a máfia das “boas pessoas” de Frankfurt irão promover uma passeata, parece ser improvável, pois afinal de contas as vítimas eram alemães e o criminoso um estrangeiro. O protesto dos “decentes” não será tão grande.

Fonte: Der dritte Weg I NBC

Publicado originalmente em 29/7/2019.

Ver também:

O custo humano e financeiro de uma invasão: mais um ataque terrorista-refugiado em Colônia, Alemanha

A atual divisão política na Alemanha

Não há Tratado de Paz com a Alemanha!

Andre Marques
Siga em
Nos ajude a espalhar a palavra:
Gostou do artigo? Você pode contribuir para o site com uma doação:

2 thoughts on “Eritreu empurra mãe e filho de 8 anos contra trem: Criança morreu”

  1. Seria viável aferir que a passividade dos alemães diante das acusações de Nuremberg contribuiu para essa moralidade de escravo que perdura até hoje? Essa aceitação passiva de acusações criminais contra a humanidade não parece ter sido tão amplamente aceita por parte dos italianos e japoneses e a Alemanha, com sanha de parecer arrependida e boazinha, terminou por pagar sozinha os custos da guerra – tanto mais no sentido de narrativa que no sentido financeiro, mesmo, parece que o alemão moderno se sente até hoje responsável por tomar parte no sofrimento alheio que não lhe diz respeito, mas essa mesma posição parece não atingir Itália e Japão.

  2. FORA MERKEL. ACORDA ALEMANHA. NOVOS TEMPOS. O TEMPO DE “ENGOLIR SAPOS” DE FUNDAMENTALISTAS, TERRORISTAS, FANÁTICOS E OUTROS LUNÁTICOS SOCIALISTAS ACABOU.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.