Candidato nacionalista do NPD eleito chefe de conselho na vila alemã

Nos ajude a espalhar a palavra:

Os moradores de uma vila alemã elegeram um membro de um partido nacionalista como chefe do conselho, provocando protestos de judeus e liberais que exigiram que a votação fosse anulada.

O conselho de sete membros de Waldsiedlung, uma pequena comunidade perto de Frankfurt, no estado ocidental de Hesse, votou em Stefan Jagsch, do Partido Nacional Democrata (NDP), para seu líder.

Os administradores que votaram em Jagsch em uma reunião na semana passada incluíram membros dos democratas-cristãos de Angela Merkel (CDU), um representante turco-alemão dos social-democratas de centro-esquerda (SPD) e membros dos liberais democratas livres (FDP).

A eleição de Jagsch foi condenada pelo SPD, CDU e FDP, que se recusam a trabalhar com o NPD, um partido nacionalista que o tribunal constitucional disse há dois anos se assemelhar ao NSDAP de Adolf Hitler.

Stefan Jagsch foi descrito por um morador da vila como “uma pessoa muito legal que pertence à parte errada”. Fotografia: Andreas Arnold / AFP / Getty Images

“O SPD tem uma posição muito clara: não cooperamos com nazistas! Nunca! Isso se aplica nos níveis federal, estadual e comunitário. A decisão em Altenstadt é incrível e não pode ser justificada. Deve ser revertido”, escreveu o secretário geral do SPD, Lars Klingbeil, no Twitter.

Nas ruas de Waldsiedlung, os moradores pareciam divididos sobre a votação. “O problema é que Jagsch é uma pessoa muito legal que pertence à parte errada e eu sou contra a promoção de membros do NPD”, disse Ingo Waldschmidt, morador de Waldsiedlung.

Outro morador, Karl-Heinz Boller, disse que a votação estava errada. “Estou indignado e está além de mim como eles poderiam ter votado neste homem”, disse ele. “Isso precisa ser corrigido.” [1]

Já Ali Riza Agdas, o turco que representa o SPD no conselho, disse ao Süddeutsche Zeitung: “Eu o conheço [Jagsch] há anos e nunca tive problemas com ele”.

Por dentro do NPD

O Partido Nacional Democrata (Nationaldemokratische Partei Deutschlands) é o mais antigo partido nacionalista alemão e uma das poucas organizações patrióticas que ainda não foi proibida pelo governo da RFA (República Federal da Alemanha). Fundado no dia 28 de Novembro de 1964 por militantes do ilegalizado Partido do Império Alemão (Deutsche Reichspartei) e outras organizações patrióticas menores foi primeiramente liderado por Friedrich Thielen e já contou com figuras históricas do revisionismo pós-guerra como o historiador alemão Udo Walendy, o ex general da Wehrmacht Arthur Wilhelm Schmitt e com o Dr. Hermann Oberth, pioneiro no campo dos foguetes aeronáuticos. Entre os primeiros a oferecerem a sua colaboração ao recém fundado partido encontrava-se Oswald Mosley, líder fascista britânico, numa carta datada de 16 de Dezembro de 1964, endereçada ao militante Wolfgang Frenz.

Partido alemão NPD I Getty Images

Em 2000 o parlamento alemão e o governo federal tentaram proibir o NPD, as duas entidades requisitaram a proibição do partido ao Tribunal Constitucional da República Federal Alemã, contudo no decorrer do processo tornou-se público que boa parte das acusações que poderiam causar a ilegalização do partido tinham sido criadas por agentes dos serviços secretos alemães. Por fim, o processo foi travado e o partido manteve-se legal e ativo.

Crescimento e atualidade

Durante as eleições de 2004 o NPD firmou um acordo de não competição com a União do Povo Alemão (DVU), outro partido nacionalista alemão, tendo inclusive organizado algumas listas conjuntas, por exemplo em Dresden, a nível local e um pacto de não concorrência a nível nacional. O terceiro maior partido nacionalista alemão, Republikaner (REP), apesar de não ter aceite fazer parte do pacto colabora com o NPD de quando em vez, dependendo do evento ou da ocasião.

2004 foi um ano de sucesso para o NPD. O partido obteve 9,2% do eleitorado nas eleições estatais da Saxónia e encontra-se agora representado no parlamento com 9 lugares. Assim sendo, o NPD obteve, pela primeira vez desde 1968, votos suficientes para ultrapassar a fasquia dos 5% e voltar a ser representado num parlamento estatal. Um dos partidos fora da Alemanha que mantém boas relações com o NPD no mundo lusófono é o Partido Nacional Renovador (PNR), de Portugal, considerado um partido de vertente nacionalista.

Em 2006 o NPD obteve 7,3% do eleitorado no Estado de Mecklenburg-Vorpommern. Em algumas das regiões mais orientais deste Estado o partido obteve um resultado que variou entre os 10% e os 15%. Este resultado permitiu a eleição de 6 nacionalistas alemães para o parlamento estatal de Schwerin, significando que o NPD se encontra atualmente representado em 2 parlamentos estatais.

Atualmente o partido é liderado desde 2014 por Frank Franz, possui 5.200 membros, um assento no Parlamento Europeu e pertence a Afiliação europeia Frente Nacional Europeia.

Fonte: The Guardian Daily Archives

Publicado originalmente em 09/09/2019

Nota:

[1] Apesar da reportagem transmitir feedback majoritariamente negativo sobre o candidato eleito, fato é que as pessoas não ouvidas manifestaram sua vontade por um membro exemplar de sua comunidade que os representasse de fato, valorizando o regional em vez do modelo global utópico.

Siga em:

Andre Marques

Brasileiro, estudante de Direito e atuante na área de marketing é fundador e editor do site O Sentinela (abril de 2013).
Andre Marques
Siga em:
Nos ajude a espalhar a palavra:

One thought on “Candidato nacionalista do NPD eleito chefe de conselho na vila alemã”

  1. A Alemanha desde 1945 está subjugada pela ditadura dos aliados comunistas e capitalistas e seus chefes judeus com sua ditadura holocau$tica conhecida como Rat der Juden in Deutschland, seria o Conselho dos Judeus na Alemanha que é o verdadeiro governo “alemão” que manda a ferro e fogo! Esses criminosos ocupadores e exploradores globais mandam criminosamente na Alemanha ocupada por eles desde 1945 e até hoje! Na Alemanha qualquer coisa logo é “anti semitismo, racismo, fascismo e nazismo! Na Alemanha todo mundo é nazista! O presidente é nazista! Você é nazista! Sua mãe é nazista!Os avos dos alemães foram nazistas! O empacotador do supermercado é nazista! Seu professor é nazista! O taxista é nazista! O empresário que da trabalho para os analfabetos estrangeiros é nazista! O teatro e nazista! A musica do genial compositor alemão Richard Wagner é nazista! O poeta Göthe foi nazista! Os geniais filósofos alemães foram nazistas! Só o judeu “filosofo” plagiador burro Kissel Mordekay, ou “Karl Marx” é “democrata”! A polícia é nazista! Até a Chanceler Judia Angela Merkel é nazista! As nuvens sobre Alemanha têm forma de suástica. As casas têm forma de suástica. A sua comida tem forma de suástica, sua merda tem forma de suástica, tudo é nazista, tudo é “holocau$to”! Até os carros Mercedes são nazistas porque Hitler tive Jeepe Militar Mercedes! Eles são tão nazistas que a juventude alemã judaizada se odeia porque é descendente de nazistas! Também é o lugar das salsichas alemãs, também nazistas. Elas também tem forma de suástica. Todos na Alemanha são nazistas, só os talmudistas judeus são “democratas”! E se chegou a mais criminosa ditadura talmudista que proíbe aos alemães a usar placas nos seus caros com as letras: “HH”. E pasmem! Isso relembra os nomes: “Heil Hitler”. Da mesma forma, as letras “AH” são proibidas, porque isso pode remontar ao nome “Adolf Hitler”. Enquanto que as letras “HJ” significariam “Hitler Jugend”, ou a juventude hitlerista. As letras “SA” também não podem estar em placas de carros, porque poderiam ser interpretadas como “Sturmabteilung”, ou tropas de assalto; e as letras “SS” seriam interpretadas como tropa de elite, conhecida como “Schutz Stafel” ou a “SS” alemã. Temos aqui a mais feroz ditadura talmudista-israhelita do mundo contra o povo alemão! Então não se surpreendam que esse jovem nacionalista alemão também vai ser esmagado pela mesma ditadura holocau$tica!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.