Bombeiros de Nova Iorque exigem nova investigação do 11/9

Nos ajude a espalhar a palavra:

Os comandantes do Corpo de Bombeiros de Nova Iorque exigiu uma nova investigação sobre os eventos de 11 de setembro de 2001, alegando provas avassaladoras de explosivos plantados… causando a destruição dos três prédios do World Trade Center. Este é um desenrolar sensacional na busca da verdade sobre o 11 de setembro.

O Corpo de Bombeiros do distrito de Franklin Square e Munson, no Queens, Nova Iorque, EUA, rejeita a declaração oficial do governo dos EUA de que apenas os aviões e o subsequente incêndio dos materiais de escritórios teriam derrubado os arranha-céus, tornando-se o primeiro órgão legislativo do país a apoiar uma nova investigação sobre os eventos do 11 de setembro.

A decisão, que foi lida e adotada numa reunião em 24 de julho deste ano e solicita o inquérito, elaborado pelo Comissário Christopher Gioia e adotada por unanimidade pelos cinco comissários.

familiares e dirigentes do comitê durante a comissão em memorial do bombeiro germano-estadunidense Thomas J. Hetzel. I Créditos: AE911Truth.org

Além do desejo dos comissários de fazer cumprir a justiça para seus irmãos caídos e vizinhos falecidos, a força motriz por trás da resolução foi uma petição apresentada no ano passado com Geoffrey Berman, do Lawyers’ Committee for 9/11 Inquiry (Comitê de Advogados para o Inquérito do 11 de Setembro) do Procurador  Distrito Sul de Nova Iorque “foi arquivado e inclui provas da demolição do World Trade Center em 11 de setembro por detonação.

Segundo o comissário:

“Fazemos parte de uma comunhão íntima e nunca esquecemos nossos irmãos e irmãs caídos, e você deve acreditar que quando todo o Departamento de Bombeiros do Estado de Nova York estiver a bordo, seremos uma força incontrolável. Fomos os primeiros bombeiros a aprovar esta resolução e não seremos os últimos.”

Aqui está o texto completo da declaração:

“Os ataques de 11 de setembro de 2001 são inseparáveis ​​e estarão sempre ligados aos bombeiros de Franklin Square e Munson;

Quando operava no World Trade Center em Nova York, a 11 de setembro de 2001, Thomas J. Hetzel, de insígnia #290 da Hook and Ladder Company #1, do Corpo de Bombeiro de Franklin Square e Munson, de Nova York, foi morto no cumprimento do dever, juntamente com 2.976 outros colaboradores da defesa civil e civis;

Os membros da brigada de incêndio de Franklin Square e Munson foram solicitados a ajudar nas operações de resgate e salvamento subsequentes, bem como na limpeza do local do World Trade Center, muitos dos quais foram afetados por doenças fatais causadas pela inalação de toxinas mortais ali presentes;

Considerando que os Comissários do Board of Fire do Corpo de Bombeiro do distrito de Franklin Square e Munson reconhecem a importância e a natureza legítima da petição ao Procurador dos Estados Unidos para o Distrito Sul de Nova York, que relata sobre crimes federais impunes durante o 11 de setembro de 2001, no World Trade Center, e que pediu ao Procurador dos EUA para peticionar um júri especial segundo a Constituição dos Estados Unidos e 18 U.S.C. SS 3332(A);

As incontestáveis evidências apresentadas na petição mostram, sem dúvida alguma, que explosivos plantados e/ou dispositivos incendiários – não apenas os aviões e os incêndios resultantes – causaram a destruição dos três edifícios do World Trade Center e mataram a esmagadora maioria das vítimas daquele dia;

As vítimas do 11 de setembro, suas famílias, o povo de Nova York e nossa nação merecem que todos os crimes relacionados aos ataques de 11 de setembro de 2001 sejam investigados minuciosamente, e que cada um dos responsáveis sejam processados;

PORTANTO AGORA, os Comissários do Conselho de Bombeiros de Franklin Square and Munson Fire District resolveram apoiar totalmente uma abrangente investigação federal e o julgamento de todos os crimes relacionados aos ataques de 11 de setembro de 2001, bem como todo e qualquer esforço por outras entidades governamentais para investigar e descobrir a verdade completa em torno dos acontecimentos daquele dia horrível.”

“Finalmente aconteceu alguma coisa!”

Os bombeiros, que foram chamados para o World Trade Center e entraram nos edifícios para extinguir o fogo, não só pagaram com sua saúde e suas vidas, mas há muitos depoimentos de testemunhas que vivenciaram inúmeras explosões antes do colapso dos arranha-céus.

Quer dizer agora, o Corpo de Bombeiros sabe que os edifícios foram implodidos, mas o governo dos EUA, a comissão de investigação do 11/9, a grande mídia e toda a historiografia ignoram e reprimem completamente!

Infelizmente durou 18 anos para superarem a acusação de que seria um teórico da conspiração aquele que duvidasse da versão oficial, um traidor dos Estados Unidos e envergonharia a memória das quase 3.000 vítimas, e que substituísse as emoções pela lógica e pelos fatos.

É um grande passo na direção certa para descobrir o que realmente aconteceu, quando agora todo o Corpo de Bombeiro de Nova Iorque exige da promotoria uma nova investigação e afirma que foram explosivos, que destruíram os três edifícios e os transformaram em pó.

Eu duvidei da versão oficial logo após o 11 de setembro, Osama Bin Laden teria sido o cabeça juntamente com “seus” 19 sequestradores no ataque contra os Estado Unidos, e os três arranha-céus colapsaram completamente apenas devido ao fogo e à gravidade.

Por quê?

Porque eu conhecia muito bem o World Trade Center, trabalhei lá muito tempo e tinha um cliente no 26º andar da torre norte. Ele me disse 5 semanas depois que teria sentido uma forte explosão pela manhã, com origem no subsolo do edifício, antes que o primeiro avião colidisse com a torre norte.

Eu repito, aconteceu um forte abalo no edifício antes do impacto do primeiro avião. Isso significa que algum explosivo foi detonado no subsolo, fora instalado antes e que leva à seguinte conclusão: quem tinha permissão de entrar no edifício semanas e meses antes do ataque e controlava a segurança, é o autor dos atentados!

Eu entrava e saia do WTC e, ao contrário dos aeroportos, não se entrava naqueles edifícios sem controle de segurança. Todas as entregas de mercadorias também eram controladas.

Portanto, quem instalou durante semanas os explosivos, contou com a complacência da segurança para os preparativos. Isso já exclui categoricamente Osama Bin Laden e os terroristas árabes.

Qualquer um que tenha olhos na cabeça pode ver nos vídeos uma série estrondosa de explosões, as quais levaram as torres à completa destruição.

Os edifícios foram, desta forma, preparados para uma implosão e os aviões serviram como distração, um show para desviar a atenção de sua causa principal e dos verdadeiros autores.

O “smoking gun” (arma de fumaça) para uma demolição controlada foi o colapso do WTC, o qual não teve qualquer impacto de avião. Fato é que ele não mereceu uma única menção sequer no relatório oficial do 11/9.

É óbvio o porquê

A lorota de que um avião e muito querosene levam um prédio desses a ruir, não se aplicava aqui. Por isso ele fora omitido do relatório.

Desde o início não foi importante para mim como as torres foram implodidas, mas muito mais importante e hoje ainda mais, é saber quem demoliu as torres? Para descobrir basta apenas indagar: Quem se aproveitou da tragédia!

Não o como, mas sim quem é o que importa,… quem são os autores? Eles devem ser descobertos e punidos com rigor exemplar.

Não foi Osama Bin Laden e “sua” Al-Qaeda, pois a justiça norte-americana nunca procurou ou processou Bin Laden por causa do 11/9… nunca!

Por que não? Porque a justiça foi obrigada a admitir que não existe nenhuma prova para tal suposição. E se não existe provas, então foi outra pessoa!

Quem se ocupa do como e dissemina diversas teorias, este está apenas tirando o foco dos verdadeiros criminosos. Muitas dessas teorias absurdas foram divulgadas de propósito para desviar a atenção.

Está claro que o ataque contra as 3 torres do WTC serviram a diversos propósitos

Serviu ao golpe do seguro de Larry Silverstein, à destruição das provas do caso ENRON por causa de trapaças financeiras, ao roubo de dinheiro e ouro dos porões, foi uma “barata” demolição e retirada dos entulhos contaminados com asbesto, foi trading de insiders com opções PUT, e foi o pretexto para introduzir o Estado policial, o total monitoramento e a justificativa para as consequentes guerras na Ásia Central e Oriente Médio.

Segundo avião se choca contra uma das torres. I Imagem: © Reuters

Eu sou um dos poucos que ouso a nominar os prováveis criminosos. Foi um grupo formado por militares, especialistas em explosivos e pessoal do serviço secreto da Arábia Saudita, EUA e Israel!

São os mesmo três que querem atacar o Irã e são os responsáveis por todas as guerras. A tal “Guerra contra o Terror” é, na realidade, sua guerra com e para o terror, contra todo o mundo!

Vejam meu artigo: “9/11 – Fotos der tanzenden Israelis veröffentlicht”. (em alemão)

Se os norte-americanos e a comunidade internacional reconhecessem finalmente quem está trás do 11/9, então tudo mudaria, tudo, e teríamos um colapso de todo esse sistema exploratório escravagista e todas suas mentiras.

3.000 arquitetos e calculistas da AE911-Truth e os bombeiros de Nova Iorque não acreditam na explicação oficial sobre o 11/9 do governo norte-americano. E vocês sabem quem mais? As companhias de seguro contra incêndio!

Sim, todas elas, que seguraram contra incêndio todos os arranha-céus do mundo, não acreditam no conto oficial. Caso acreditassem que um simples fogo de escritório leve arranha-céus ao colapso, então elas teriam tirado suas consequências desta tragédia.

Mas não foi isso que elas fizeram. As seguradoras não intervieram e exigiram que todos os arranha-céus devessem renovar/rever sua proteção contra incêndio, cuja respectiva ação, por motivos de segurança, exigiria a evacuação de todos os prédios.

Por que elas não tiraram a lição desta “causa” oficial? Pois é, porque elas não acreditam e sabem que é mentira o relato oficial sobre o 11/9!

Fonte original: Alles Schall und Rauch

Fonte da tradução: Inacreditável

Andre Marques
Siga em
Nos ajude a espalhar a palavra:
Gostou do artigo? Você pode contribuir para o site com uma doação:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − 14 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.