Bilionário judeu Ronald Lauder lançará nova ONG para “perseguir” que critica judeus

Nos ajude a espalhar a palavra:

O oligarca bilionário Ronald Lauder está financiando uma campanha de US $ 25 milhões contra candidatos políticos nos Estados Unidos que “apoiam ou normalizam o anti-semitismo”, disse ele.

Lauder, presidente do Congresso Judaico Mundial, anunciou a nova campanha, chamada “Projeto de Responsabilidade de Anti-Semitismo” ou ASAP [Anti-Semitism Accountability Project], na segunda-feira (9). O esforço incluirá uma organização sem fins lucrativos e um super PAC. Lauder terá a palavra final sobre qual político – federal, estadual e local – será “alvo de derrota”, segundo o New York Times.

[themoneytizer id=”43742-1″]

 

Ele é um doador republicano de longa data, mas Lauder disse ao jornal que planeja usar a organização para “perseguir” democratas e republicanos que “traficam linguagem e tropos anti-semitas”.

Um comunicado anunciando o lançamento do ASAP disse que “também responderia e tomaria medidas contra instituições e figuras culturais que apoiam o anti-semitismo”. Lauder também disse ao Times que “investigaria as universidades e seus professores” e “os pressionaria a interromper declarações e ações anti-semitas” entrando em contato com os principais doadores.

O mais rápido possível “formará parceria com organizações existentes” que estão “trabalhando em todo o país” para punir e criminalizar críticas a judeus, disse o comunicado, e incentivou o contato desses grupos por meio de seu site.

De acordo com uma pesquisa encomendada pela ASAP e conduzida por Douglass Schoen da Schoen Consulting, “o anti-semitismo dobrou nos últimos cinco anos”. Ele afirma que hoje, “14%. dos estadunidenses têm crenças anti-semitas, em comparação com 7%. de uma pesquisa divulgada pela Liga Anti-Difamação em 2014”. Ausente da análise do grupo judeu, está a possibilidade de que isso não seja reflexo de “ódio”, mas simplesmente uma crescente conscientização de atividades criminosas, assassinas, censuradoras e genocidas nas parte do grupo étnico mais rico e poderoso do mundo.

Lauder disse ao Times que “contratou equipes de pesquisadores para acompanhar corridas políticas em todo o país, das mais locais às principais”, para acompanhar os comentários “anti-semitas”.

Fonte: National Vanguard

Publicado originalmente em 11 de dezembro de 2019.

Texto de traduzido e adaptado por André Marques

Informação adicional

Lauder possui um patrimônio líquido de US $ 21 bilhões, e é filho mais velho de Estee Lauder. Esteve presente esse mês na gala do Congresso Mundial Judaico desse ano junto ao Barão Rotschild e várias figuras políticas importantes dos EUA e dos negócios judaico-estadunidenses. Muitas delas corruptas.

Na quarta-feira (11) uma ordem executiva assinada pelo presidente Donald Trump o último passo da campanha para incorporar uma definição não-tradicional de anti-semitismo com foco em Israel e suas instituições públicas, impedindo que informações negativas sobre Israel cheguem ao público… e impedindo o crescente movimento pelos direitos humanos palestinos.

Andre Marques
Siga em
Nos ajude a espalhar a palavra:
Gostou do artigo? Você pode contribuir para o site com uma doação:

One thought on “Bilionário judeu Ronald Lauder lançará nova ONG para “perseguir” que critica judeus”

  1. O que certos tipos de pessoas querem na realidade como este cidadão ultra milionário RONALD LAUDER, é praticarem o que sempre produziram: GENOCÍDIOS. Pois, através das suas censuras asquerosas, existem as manipulações e consequentemente a MORTE. MALDITOS.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.